Variedades

Mulher e política: Entre o batom e as emendas, por Simoni Mesch Nones

Prefeita de Doutor Pedrinho, única entre os sócios da AMMVI, foi a convidada para o bate-papo especial do PGN no dia da mulher. A rotina agitada a frente de uma cidade, entre viagens parlamentares e trabalho constante, foi a tônica

No Brasil, em um parlamento de 513 deputados federais, apenas 10% das cadeiras são ocupadas por mulheres, número que coloca o Brasil na posição 154ª entre 193 países. Em matéria de representatividade política feminina, o país é o último da América Latina. Nas câmaras de vereadores, o percentual de vagas conquistadas por elas caiu para abaixo de 15%, sendo que 18.244 candidatas não ganharam um voto sequer, o que representa 12,5% de todas as mulheres inscritas para disputar a eleição.

Numeros assustadores, a mulher ainda é uma distânte presença no meio político e a briga pela maior representatividade continua, seja na conquista de espaço como na conscientização delas próprias em busca de um espaço maior. Em Santa Catarina, 24 das 292 prefeituras do estado estão sob adminstração de prefeitas, e nas Câmaras de Vereadores do estado, de 2898 cadeiras, 390 tem mulheres legislando. Seria um exemplo ao Brasil, embora as estatísticas no estado estejam um tanto estáveis com relação aos últimos anos.

Mulher e política tem sido uma relação que tem crescido, porém (e infelizmente) de forma lenta. As que se põem a serviço da vida pública encontram desafios enormes, correrias, trabalho em cima de trabalho e, para tanto, não falta jogo de cintura, autenticidade e persistencia. Pelo menos para maioria delas. E um exemplo dessa determinação e rodeio diário esteve nos estúdios da PG2 neste Dia Internacional da Mulher.

A prefeita de Doutor Pedrinho, Simoni Mesch Nones, é a unica mulher entre os prefeitos sócios da Associação de Municípios do Médio Vale do Itajaí (AMMVI) e contou no PGN um pouco de sua rotina alucinante, entre busca de recursos e a adminstração de uma cidade sempre cotada com potencial para crescer e muito.

Ouça:

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *