Variedades

A Casa Que Me Faz Bem: Livro entra na reta final do financiamento coletivo

Publicação de Maurílio Bugmann compila histórias em que o design de interiores desperta sensações positivas ou nostalgicas nas residências dos personagens

Qual a sensação que entrar em uma casa ou apartamento traz a você tendo como variável a decoração ou o design que o constitui? Há quem recorde momentos, quem sinta paz, quem sinta agito, uma verdadeira mistura de sensações que podem não ser perceptíveis ao olho nu, mas que transbordam nas reações de quem tem o contato com estes ambientes especiais.

Nesta mistura de sensações nascem belas histórias, sendo que mais de 30 delas estão compiladas numa publicação especial organizada e escrita pelo designer Maurílio Cesar Bugmann: “A Casa Que Me Faz Bem”. O livro é resultado da pesquisa de mestrado e da experiência de mais de 20 anos de Maurílio com Design de Interiores e aborda, entre outras questões, a essência do que realmente contribui para que nos sintamos bem em diferentes tipos de ambientes e tem como pano de fundo a semiótica e a Gestalt.

O lançamento do livro está sendo financiado por meio da chamada “vaquinha virtual” (Crowdfunding) no site do Catarse e está entrando na reta final de campanha, com data final no dia 21 de agosto. Quem ficou curioso pelo projeto vai ter mais detalhes no bate-papo que Maurílio e seu irmão, Mário Cesar Bugmann, deram para o PGN nesta manhã de quinta-feira (09/08) nos estúdios da PG2.

Confira abaixo mais detalhes e, se você quiser contribuir também, acesse o link da vaquinha no Catarse (só clicar!)

Conheça mais sobre o projeto abaixo:

Tags
Show More

Related Articles